• Publicado em

    Aprovada a criação da Guarda Civil Municipal de Jataí

    Segundo o texto, os futuros guardas civis municipais deverão ser selecionados por concurso público, usarão armas de fogo e terão função de proteção municipal preventiva.
    COMPARTILHE

    Em sessão extraordinária realizada nesta terça-feira, dia 5, a Câmara Municipal aprovou por unanimidade o projeto de lei enviado pelo executivo que cria a Guarda Civil Municipal (GCM) em Jataí. Também foi aprovada uma emenda ao texto original, apresentada por todos os vereadores. A previsão oficial é de que a instituição comece a operar em 2018.

    Segundo o texto, os futuros guardas civis municipais deverão ser selecionados por concurso público, usarão armas de fogo e terão função de proteção municipal preventiva, destinada à preservação dos bens públicos, serviços e instalações, além de prestar apoio e assistência aos demais servidores municipais, no exercício do poder de polícia administrativa.

    A GCM também exercerá a segurança, interna e externa, dos prédios municipais e dos eventos promovidos pelo poder público municipal, efetuará rondas (inclusive em escolas), auxiliará na segurança pública e na prevenção a atentados contra a pessoa e o patrimônio, colaborará na proteção ao patrimônio ecológico e ambiental de Jataí, auxiliará no combate a incêndios, em salvamentos e pronto-socorro, entre várias outras atribuições.

    Inicialmente o município contará com 40 guardas, mas o número poderá chegar a 100 com o decorrer dos anos. Os selecionados em concurso passarão por treinamento fornecido pela Academia da Polícia Militar, corporação que também fornecerá viaturas e demais equipamentos necessários ao funcionamento adequado de uma força de segurança.

    O projeto agora vai para sanção do prefeito Vinícius Luz para que entre em vigor. O prazo para que um projeto seja sancionado e torne-se lei é de 15 dias úteis.

    Fonte/CMJ