• Publicado em

    Começou hoje (29) o período de inscrição na lista de espera do SiSU

    Não selecionados na chamada regular fazem inscrição até 05 de fevereiro, no site da seleção

    Hoje (29), começou o período de participação na lista de espera do SiSU – Sistema de Seleção Unificada. Uma das novidades da primeira edição deste ano é que somente poderão participar os estudantes que não foram selecionados em nenhuma das opções registradas durante o período de inscrição. Neste caso, será possível manifestar interesse em qualquer uma das vagas cadastradas.

    O prazo para se inscrever na lista de espera do SISU 2019.1 termina em 05 de fevereiro. O procedimento deve ser feito no site do processo seletivo. A partir do dia 07 do respectivo mês, os candidatos serão convocados pelas Instituições de Ensino Superior (IES). Apenas poderão participar os candidatos que se inscreveram na seleção entre os dias 22 e 27 de janeiro.

    Leia também: Superação: Mãe e filha formam no mesmo ano  

    Em relação à chamada regular, os aprovados no SiSU devem ficar atentos às orientações de matrícula divulgadas pelas universidades e demais participantes, em editais próprios. Os documentos informam o horário, campus e unidade de ensino onde o procedimento deve ser realizado.

    Bolsa de estudo

    Mesmo com a divulgação do resultado da chamada regular do SiSU e o início do prazo para participar da lista de espera, é importante saber que o processo seletivo não é a única opção para ingresso no ensino superior.

    O Educa Mais Brasil oferta mais de 400 mil bolsas de estudo para quem deseja começar a faculdade em 2019, ainda no primeiro semestre. O estudante pode ser contemplado com até 70% de desconto na mensalidade e a contratação pode ser feita diretamente no site do Educa Mais, com a seleção da localidade, graduação desejada e instituição de ensino disponível. Não é preciso comprovar renda.

    O Programa Universidade para Todos (Prouni) também oferece bolsa de estudo para a graduação e o estudante precisa se inscrever no processo seletivo entre 31 de janeiro e 03 de fevereiro. Para ser contemplado, é necessário cumprir os seguintes requisitos:

    1. Ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 e alcançado a pontuação mínima de 450 pontos, além de não ter zerado a redação
    2. Ser aluno de escola pública ou ter sido bolsista integral em escola privada
    3. Estar enquadrado nos seguintes critérios de renda: renda familiar por pessoa de até 1 salário mínimo e meio (bolsa integral) ou de até 3 salários mínimos (bolsa parcial).

    Agência Educa Mais Brasil

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.