• Publicado em

    Duas jovens são mortas na Bahia por causa de dívidas, executores deixaram bilhete

    Os corpos foram encontrados na sala entre 6 e 7h desse domingo (14).
    COMPARTILHE

    Daniela Dias Santana, 30 anos, foi assassinada dentro de sua residência, na Avenida Hérlio Cardoso, em São Gonçalo dos Campos (BA), juntamente com sua amiga Evilyn Machado Vasconcelos de Souza, 27 anos.

    Os corpos foram encontrados na sala entre 6 e 7h desse domingo (14). A suspeita é que o duplo homicídio tenha sido premeditado e ocorrido na noite anterior, quando as vítimas chegaram a casa após desfilarem em um bloco cultural na festa da cidade.

    De acordo com a polícia militar as vítimas foram esfaqueadas no pescoço e a arma do crime não foi encontrada pela perícia técnica.

    Os peritos encontraram um bilhete preso ao pé de Daniela com a frase: “A família eu peço desculpas, mas ela não quis pagar o meu dinheiro, mais tem para festa”. No local ninguém informou te ouvido ou visto qualquer movimentação suspeita durante a madrugada. Não foi detectado sinal de arrombamento na residência.

    Leia também: Reviravolta no caso do homicídio homofóbico que chocou o Brasil

    Onde vamos parar? Menina de oito anos morre baleada em Goiás

    A construção deste elevador seria inacreditável, se não fosse no Brasil

    Uma das portas foi encontrada aberta e Daniela com um dos pés para fora e o bilhete amarrado.

    O levantamento cadavérico foi realizado pelo DPT – Departamento de Polícia Técnica de Feira de Santana, e presidido pelo delegado Eugenio Rocha, titular da DT – Delegacia Territorial de São Gonçalo dos Campos. Os crimes já estão sendo investigado. As duas vítimas eram mães, e Evilyn completaria 28 anos dia 23 desse mês.

    Fonte/Fotos: São Gonçalo Agora