• Publicado em

    Em Jataí (GO), ocorrência de geada ocasiona perdas nas lavouras de feijão irrigado

    Termômetros marcaram -2ºC na localidade. Plantações de feijão estavam em fase de granação e podem ter produtividade menor nesta safra. Normalmente, rendimento é de 40 scs/ha. No milho, evento climático não gerou prejuízos. Colheita da safrinha do cereal chega a 30% na região. Preços voltaram a subir e saca é cotada a R$ 40,00.

    A massa de ar polar derrubou as temperaturas e ocasionou geada em muitas regiões produtoras do país. Em Jataí, no estado de Goiás, os termômetros registraram -2ºC nesta segunda-feira (18). E o evento climático atingiu especialmente as lavouras de feijão irrigado levando prejuízos aos produtores rurais.

    “As plantações estavam em fase de frutificação e granação e foram atingidas pela geada, principalmente nas áreas mais baixas. Com certeza, teremos uma quebra na produção devido à ocorrência do evento climático. Ainda não conseguimos quantificar esse prejuízo, mas a produtividade deverá ser menor nesta temporada”, reforça o diretor do Sindicato Rural do município, Silomar Cabral Faria.

    Normalmente, os produtores rurais da localidade conseguem colher em média 40 sacas do grão por hectare. Já os preços giram ao redor de R$ 350,00 a saca do feijão na região.

    Produção de milho safrinha

    No caso do milho, o diretor ressalta que o evento não trouxe prejuízos, uma vez que as lavouras já estão secas. Até o momento, pouco mais de 30% da área cultivada nesta temporada já foi colhida e, por enquanto, o rendimento médio das plantações está próximo de 100 sacas do grão por hectare.

    Contudo, a perspectiva é que a produtividade recue, já que as plantações mais afetadas pelo clima seco foram as semeadas mais tarde e que ainda serão colhidas. “A partir da próxima semana, o rendimento deve ficar menor. Isso porque, tivemos um veranico de mais de 30 dias na fase reprodutiva e no início do pendoamento, o que afetou o desenvolvimento das lavouras”, pondera Faria.

    Em relação aos preços, o diretor do sindicato ainda ressalta que as cotações voltaram a subir e, atualmente, a saca é cotada ao redor de R$ 40,00. Porém, cerca de 30% a 40% da safra já foi negociada antecipadamente.

    “Os produtores ainda não conseguiram renegociar os contratos, há uma pressão muito grande por parte das empresas. Inclusive, algumas já têm notificado os agricultores”, afirma o diretor do sindicato.

    Veja fotos da região:

    Geada em Jataí (GO). Enviado por Henrique Lima

    Geada em Jataí (GO). Enviado por Henrique Lima

    Geada em Jataí (GO). Enviado por Henrique Lima

    Geada em Jataí (GO). Enviado por Henrique Lima

    Jataí/GO - Temperaturas negativas em 18 de julho de 2016

    Temperaturas negativas em 18 de julho de 2016

    Jataí/GO - Temperaturas negativas em 18 de julho de 2016

    Temperaturas negativas em 18 de julho de 2016