• Publicado em

    Em jogo movimentado e com seis gols, Rio Verde e Vila Nova ficam no empate

    Rio Verde joga no próximo domingo (19), contra o Crac, pela sexta rodada do Campeonato Goiano.

    O Rio Verde encarou o Vila Nova na tarde deste domingo (12), no estádio Mozart Veloso do Carmo, pela quinta rodada do Campeonato Goiano. Mesmo com o campo encharcado, os dois times fizeram um jogo muito movimentado, com seis gol e o placar final sendo de 3 a 3. Os gols do Tigrão foram feitos por Moisés e Wesley Matos, pelo lado do Rio Verde, Saulo marcou duas vezes e Gabriel também deixou o dele. Com o empate, o Vila Nova continua invicto no estadual. Por outro lado, o Rio Verde ainda não encontrou o caminho da vitória e empata pela terceira vez na competição.

    O time colorado chegou aos 11 pontos e permanece líder do Grupo A, com o mesmo número de pontos do vice-líder Goiás, mas supera o arquirrival no saldo de gols. O Rio Verde chega aos quatro pontos, mas com a vitória da Aparecidense (em cima do Crac, por 3 a 1), o Verdão do Sudoeste caiu para a quarta colocação, mesma pontuação do Anápolis (que empatou com o Iporá por 1 a 1), mas o Verdão do Sudoeste se encontra com maior número de gols.

    O próximo confronto do Vila Nova é pela Copa do Brasil, na quinta-feira (16), contra o Fast Clube, de Manaus, na Arena Amazônia, às 22h30. Com o novo regulamento do torneio, a primeira fase é somente um jogo, assim, caso o Tigrão consiga um empate ou vença a partida, estará classificado para a próxima fase. Já o Rio Verde joga no próximo domingo (19), contra o Crac, pela sexta rodada do Campeonato Goiano. A partida será em Catalão, no estádio Genervino da Fonseca, às 16 horas.

    Com emoção

    Com a forte chuva que teve no inicio do dia em Rio Verde, o gramado na hora do jogo estava encharcado, o que dificultou a movimentação e as jogadas de criação para ambos os lados. Mesmo assim, a primeira etapa foi muito movimentada, com o Vila Nova tentando criar mais pela esquerda com Patrick e Morais Jr, e o Rio Verde pela direita, com Bruno Leite. Chutes de longe, para tentar surpreender os goleiros, foi o ponto forte  do primeiro tempo, já que o gramado estava pesado. E foi assim, que o Vila Nova abriu o placar. Aos 43 minutos, Moisés chutou de fora da área, pegando firme na bola e fez um belo gol, sem chances para Tom.

    O segundo tempo foi a todo vapor. Logo aos 4 minutos, Vandinho fez linda jogada individual e cruzou para Moisés, que tocou para o fundo da rede, deixando o segundo dele na partida. O técnico Edson Porto começou o jogo com três zagueiros, mas ao levar outro gol, fez alterações para deixar o time mais ofensivo. E deu certo. Saulo entrou no lugar de Herbert e no primeiro lance do atacante, ele cabeceou para o gol, após cobrança de falta, diminuindo para os donos da casa. Bolas alçadas na área continuaram sendo as principais jogadas, e o terceiro gol do Tigre foi depois de cobrança de escanteio de Moisés, com o Wesley Matos desviando levemente para o gol.  Mas a felicidade do zagueirão do Vila não durou muito.  

    Aos 36 minutos, o capitão colorado tirou a bola da área com a mão e o juiz marcou pênalti, Wesley levou o segundo amarelo e foi expulso. Saulo cobrou muito bem e diminuiu a vantagem para 3 a 2. Com um jogador a menos em campo, o Vila Nova recuou e o Rio Verde passou a pressionar, e aos 43 minutos, Gabriel fez belo gol de cavadinha, empatando a partida.

    Invencibilidade  

    O Vila Nova continua sem perder no Goianão 2017. Com o empate sobre o Rio Verde, o Tigre fica com quatro vitórias, dois empates, dez gols marcados e quatro sofridos. Com esses números, o time colorado vem sendo o líder do Grupo A e do Campeonato Goiano. A última campanha de notoriedade do Vila Nova, foi em 2004,  quando ganhou as três primeiras rodadas e ficou na liderança do Grupo B da competição durante as quatro primeiras. Porém, não chegou a liderar a competição em nenhum momento.

    Briga pela artilharia  

    Com os dois gols marcados na tarde deste domingo contra o Rio Verde, Moisés entrou de vez na briga pela artilharia do Campeonato Goiano 2017. Léo Gamalho é o maior goleador até o momento com seis gols em cinco jogos, logo atrás vem Moisés, com três tentes em duas partidas, e depois Wallyson, do Vila Nova, Tozin, da Aparecidense e Rafael Morisco, do Crac, com dois gols cada um.

    De uma vez… 

    Se o Vila Nova vinha se destacando por ter a melhor defesa do Goianão 2017, o Rio Verde conseguiu mostrar que é possível furar a zaga colorada. Até o início dessa quinta rodada, o Tigrão havia sofrido apenas um gol (no jogo contra a Aparecidense). Neste domingo (12), o Rio Verde marcou três gols e surpreendeu a defesa colorada, principalmente com bolas alçadas na área.

    FICHA TÉCNICA 

    Campeonato Goiano: 5ª rodada
    Jogo: Rio Verde 3 x 3 Vila Nova
    Data: 12/02/2017
    Horário: 17 horas (de Brasília)
    Cidade: Rio Verde (GO)
    Estádio: Mozart Veloso do Carmo

    Gols: Saulo (10′ e 38′ do 2ºT) e Gabriel( 43′ do 2ºT) para o Rio Verde. Moisés (42′ do 1ºT e 4′ do 2ºT) e Wesley Matos (31′ do 2ºT) para o Vila Nova.

    Cartões amarelos: Cléber e Saulo (Rio Verde)
    Cartão vermelho: Wesley Matos (Vila Nova)

    Árbitro: André Luiz Castro
    Assistentes: Márcio Soares e Cleyton Pereira
    4º árbitro: Fabrício Nery

    RIO VERDE: 1-Tom; 2-Bruno Leite, 3-Pierre, 4-Herbert (19- Saulo), 5-Rogério, 6-Bruno Sabino, 7-Cleber(16-Jeferson), 8-Roger guerreiro, 9-Ramon Lage(13-Bruno Paraíba), 10-Gabriel e 11- Leo Guerreiro. Técnico: Edson Porto

    VILA NOVA: 1-Wendell; 2-Maguinho, 3-Wesley Matos, 4-Halisson, 5-Brand, 6-Patrick Brey, 7-Billy,  8-Everton, 9-Vandinho( 16-Patrick), 10-Morais Jr.(14-Geovane), 11-Moisés(18-Mateus Anderson). Técnico: Mazola Júnior.

    Fonte/portal730

     

  • Participe do debate em nosso grupo do Facebook