• Publicado em

    Fisco reúne-se com produtores rurais do Sudoeste

    Na segunda-feira, dia 5, a reunião será em Rio Verde, às 19 horas e, na terça-feira (6), em Mineiros, às 9 horas, e em Jataí, às 19 horas.

    Durante dois dias na próxima semana, dirigentes da Secretaria da Fazenda vão se reunir com produtores rurais do Sudoeste para esclarecer questões relativas ao uso de procuração, benefícios fiscais e sonegação de impostos. Na segunda-feira, dia 5, a reunião será em Rio Verde, às 19 horas e, na terça-feira (6), em Mineiros, às 9 horas, e em Jataí, às 19 horas.

    Os encontros serão nas sedes dos sindicatos rurais das três cidades, com a participação do superintendente de Controle e Fiscalização, Paulo Aguiar, do gerente de Arrecadação e Fiscalização, Luciano Pessoa, e do coordenador do Agronegócio, Geraldo Saad. O calendário de visitas já foi repassado à Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg).

    “Vamos fazer explicação didática das irregularidades que ocorrem nas saídas de grãos das fazendas para evitar as irregularidades registradas até o ano passado. A intenção é apresentar os procedimentos corretos para que os produtores não sejam autuados tempos depois de entrega da safra”, afirma o superintendente Paulo Aguiar. Ele acredita que os encontros vão reunir aproximadamente 100 produtores rurais em cada uma das cidades.

    Sobre a procuração, ele destaca que o documento concedido pelo produtor ao corretor de grãos é exigido pela Sefaz com prazo determinado, de seis meses, e safra específica, para não ser usada de forma indeterminada. Cálculos da Secretaria estimam que 20% da safra goiana são sonegados. O objetivo é reduzir a sonegação passando as informações corretas aos interessados e depois intensificando as autuações.