• Publicado em

    Após anúncio de acordo, caminhoneiros mantêm protestos, em Jataí

    Greve de caminhoneiros afeta abastecimento e preços de vários setores.

    Falta de gasolina, falta de gás e alta nos preço são algumas das consequência da greve de caminhoneiros. A manifestação que começou tímida na segunda-feira ganhou o apoio popular e pressiona o Governo  para encontrar uma solução para o problema.

    Em Jataí motoristas já não encontra mais combustível, vários comércios já clamam a falta de vários produtos.

    Ao final do quarto dia de paralisação dos caminhoneiros, que bloqueou estradas em ao menos 20 estados do país, o governo do presidente Michel Temer (MDB) anunciou um acordo com entidades que representam a categoria para suspender a greve. Anunciado em coletiva de imprensa no Palácio do Planalto após uma tarde inteira de reuniões, o acerto prevê que o desconto de 10% sobre o preço do diesel será mantido por 30 dias – período maior que os 15 dias oferecidos ontem pelo presidente da Petrobras, Pedro Parente.

    Mas pelo menos aqui na região os caminhoneiros garantem que os protestos irão continuar, pois não concordam com a proposta do Governo.