• Publicado em

    Homens abrem barriga de crocodilo e solucionam ‘crime’

    No interior do crocodilo estavam a perna esquerda e os braços do pescador

    Desaparecido desde a semana passada, o corpo do pescador Andi Aso Erang, de 36 anos foi achado boiando no Rio Kebuyahan, em Bornéu, na Indonésia.

    Em um primeiro momento, os moradores suspeitavam de assassinato. Mas as marcas no corpo indicavam que o autor poderia ser um animal. Foi, então, iniciada uma caçada a um grande crocodilo, de 6 metros, avistado na região, informa o jornal Extra.

    Após ser encurralado, o réptil foi abatido com cinco tiros. A elucidação do “crime” veio depois do réptil ter sua barriga aberta: no interior do crocodilo estavam a perna esquerda e os braços de Andi.

    “Jamais imaginei que o meu marido seria comido por um crocodilo, que ele morreria desse jeito”, disse a viúva, de acordo com o “Mirror”.