• Publicado em

    Jogador de futebol é assassinado com tiro no rosto em São Paulo

    Kendrick Costa, que defendia o Al Gharafa, do Catar, foi baleado nesta sexta-feira no Guarujá
    COMPARTILHE

    O atacante Kendrick Costa, que defendia o Al Gharafa, um dos times mais tradicionais do Catar, morreu nesta sexta-feira (7) após ser baleado no rosto em Guarujá, no litoral de São Paulo. Ele, que tinha 24 anos, passava as férias na região, onde nasceu.

    De acordo com informações do G1, a Polícia Militar trabalha com a hipótese de tentativa de assalto. Testemunhas disseram que Kendrick foi abordado por um motociclista que tentou levar um cordão dele. O crime ocorreu na Rua Guilherme Boquiusa.

    O atleta ainda chegou a ser socorrido, foi levado para um pronto socorro, mas não resistiu. A Polícia Civil, através do 2º Distrito Policial do Guarujá, investiga o caso. Ninguém foi preso.

     


    Sabendo do ocorrido, o Al Gharafa se pronunciou e lamentou a morte do jogador. “Mais dor e tristeza. O nosso clube chora por conta de Johnson Kendrick, que foi morto no Brasil. Oferecemos as mais sinceras condolências à família do jogador”, disse o clube em nota oficial.




  • Participe do debate em nosso grupo no Facebook