• Publicado em

    Justiça proíbe Show de Marília Mendonça, após polêmica bizarra

    Cantora não vai mais poder fazer apresentação após polêmica com macacos.

    A cantora Marília Mendonça é um dos principais nomes da atualidade. Os seus shows estão sempre lotados, mas a artista foi proibida de cantar na cidade de Birigui. Exatamente, uma das maiores estrelas do país não pode se apresentar no município da grande São Paulo. A decisão foi dada pela 1ª Vara Cível da Justiça da região. O show de #Marília Mendonça, segundo informações do site ‘RD1 Audiência’, ocorreria neste domingo (20), mas foi cancelado.

    Cantora Marília Mendonça não poderá se apresentar na cidade de Birigui; entenda

    É claro que a notícia caiu como uma verdadeira bomba na região. Muita gente estava esperando pela apresentação, mas acabou ficando frustrada com tudo o que aconteceu.

    O show ocorreria na Região Rural da cidade. No entanto, o magistrado fez afirmações de que montar um show dessas proporções causaria sérios problemas na região, já que o local é conhecido por ter animais silvestres. Muitos macacos vivem na região e o show de Marília poderia atrapalhar o convívio deles.

    Caso Marília cante em Birigui, organização de show terá que pagar verdadeira fortuna

    A decisão, caso não acatada, geraria uma multa razoável para os organizadores, cerca de R$ 200 mil. Especula-se que esse seja o valor pago para a artista se apresentar. Os organizadores, no entanto, preferiram não correr o risco e o show está, temporariamente, adiado. Não há uma nova data para a apresentação.

    Leia também: Nova foto de Marília Mendonça beijando causa na internet! Acesse e veja quem foi desta vez…

    Show de Marília Mendonça é cancelado por polêmica com macacos

    O local, conhecido como ‘Estância dos Macacos’, é uma verdadeira reserva silvestre na região e abriga pelo menos 150 primatas na região.

     

    Além de atrapalhar o habitat natural dos bichos, o juiz que deu a decisão, alega que os macacos-prego poderiam também atacar os frequentadores do local. A saúde deles também poderia estar em risco. O medo do magistrado, que ouviu uma especialista para dar o veredito, é que os macacos-prego invadissem a rodovia e fossem atropelados. As agressões a seres humanos também poderiam ocorrer, já que os bichos poderiam se sentir bastante ameaçados com tudo.

    Ministério público proíbe Marília Mendonça de cantar em cidade para preservar macacos

    A liminar foi um pedido do Ministério Público da região, como mostra a matéria do ‘RD1’. A ordem foi assinada pelo juiz Fábio Renato Mazzo Reis. Ainda cabe recurso. Agora, os produtores buscam outro local para a realização do evento. Um sítio perto do local anterior está sendo avaliado.



    Fonte/É Manchete Blasting News
  • Participe do debate em nosso grupo no Facebook