• Publicado em

    Mulher toca fogo em casa com bebê e uma criança trancados em Salvador

    O bebê não resistiu aos ferimentos e morreu, enquanto a outra criança nada sofreu.
    Foi presa em flagrante uma mulher acusada de tocar fogo e trancar uma casa com um bebê de nome Gabriel, de um ano e sete meses e uma criança de nove anos dentro. O bebê não resistiu aos ferimentos e morreu, enquanto a outra criança nada sofreu.
    Ana Cristina Menezes Lima teria discutido com a companheira dela e mãe do bebê, Maraiza Santos do Rosário, 31 anos, antes de cometer o crime. Tudo aconteceu na noite desta quinta-feira(27), na Rua Nova Divineia, em Periperi e, de acordo com testemunhas, o casal começou uma discussão e, logo após, Maraiza resolveu sair e deixar Gabriel com a filha de nove anos.
    Foi quando Ana Cristina pegou o bebê, jogou sobre um colchão e tocou fogo, trancando a porta logo a seguir. Os vizinhos notaram a ação e agrediram Ana Cristina que ficou bastante ferida e teve que ser levada para o Hospital do Subúrbio e em seguida levada para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa.
    A mãe de Gabriel dos Santos Rosário Bonfim, o bebê que morreu, também foi encaminhada para a delegacia. A casa ficou destruída e ao chegar para combater as chamas, o Corpo de Bombeiros nada pode salvar.
    Os vizinhos dizem que tentaram salvar Gabriel, mas ele morreu carbonizado, enquanto a menina de nove anos teve sorte em escapar das chamas antes que o fogo se espalhasse pela casa.
    Fonte: Agora na Bahia.
  • Participe do debate em nosso grupo no Facebook