• Publicado em

    Polícia investiga participação de outro carro em morte de família que voltava de Rio Quente (GO) para Campinas

    A criança de seis anos foi encontrada na terça-feira pela manhã no acostamento da estrada BR-050, entre Uberlândia e Araguari

    APolícia Civil de Araguari (MG) investiga se houve a participação de outro carro no acidente que matou uma família de Campinas (93 km de SP) no domingo. Somente uma criança de apenas seis anos sobreviveu.

    Um casal contou à polícia que viu dois carros capotarem no trecho onde a família morreu. A Polícia Civil informou que está investigando essa informação e que precisa esperar os resultados da perícia para determinar o que ocorreu. Disse também que está fazendo outras diligências sobre o caso.

    Morreram o pastor evangélico Alessandro Monare, 37 anos, sua mulher Belkis da Silva Miguel Monare, 35 anos, e o filho Samuel da Silva Miguel Monare, 8 anos. A criança de seis anos foi encontrada na terça-feira pela manhã no acostamento da estrada BR-050, entre Uberlândia e Araguari.

    No domingo, a família voltava de Rio Quente (GO) para Campinas, após comemorarem o aniversário de Belkis na cidade goiana.

    O enterro das três vítimas ocorreu ontem no cemitério Parque das Flores, em Campinas. Foi marcado por muita comoção. O pai da família era da Igreja Batista Vista Alegre. Com informações da Folhapress.