• Publicado em

    Preso é assassinado dentro da Casa de Prisão Provisória de Rio Verde  

    O autor foi identificado e confessou o crime.

     

    José Orlando Soares, foi morto por um detento dentro da Casa de Prisão Provisória de Rio Verde na noite de quinta-feira (7). A vítima cumpria pena por diversos crimes na região inclusive por estupro.

    Leia também: Mulher é abordada por motociclista e estuprada em Rio Verde 

    De acordo com a Polícia, o crime ocorreu dentro da CPP. José Orlando teria sido enforcado. Os agentes prisionais ao chegarem ao local o preso já estava sem vida.

    O preso Alessandro Moreira Soares, em depoimento à polícia, confessou o crime e disse que uma desavença com a vítima o levou a matar. Alessandro foi preso acusado de matar a namorada (relembre) em 22 de agosto de 2018.

    POLÍCIA CIVIL LAVRA AUTO DE PRISÃO EM FLAGRANTE DE SUSPEITO DE HOMICÍDIO OCORRIDO NA CPP DE RIO VERDE

    A POLÍCIA CIVIL DE RIO VERDE registrou nesta quinta-feira, 07/02/19, Auto de Prisão em Flagrante em desfavor de suposto autor de crime de homicídio ocorrido no início da noite, na CPP – Casa de Prisão Provisória.

    O mesmo, assumiu a autoria, porém alegou à equipe da Polícia Civil que agiu em legítima defesa, “pois a vítima queria lhe furar”. Ele ainda detalhou que houve luta corporal, momento em que conseguiu dar uma ‘gravata’ na vítima que, segundo ele, estaria o ameaçando com uma faca.

    O suposto autor alega que após a ‘gravata’, a vítima desmaiou e não ‘voltou’ mais. A EQUIPE PLANTONISTA DA POLÍCIA CIVIL, cumpriu as diligências necessárias, deixando-o à disposição da justiça. Será instaurado procedimento para investigação de todos os fatos.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.