• Publicado em

    Proforte inaugura base operacional em Rio Verde e investe R$ 7 milhões em Goiás

    Nova base de operações do Grupo Protege vai criar 148 empregos diretos na região Sul do Estado
    COMPARTILHE

    A Proforte, empresa do Grupo Protege, amplia a atuação no Estado de Goiás com a inauguração de uma base operacional em Rio Verde. O investimento reflete a necessidade de atender com excelência o Sul do Estado, região que prospera, principalmente, em torno do agronegócio e registra desenvolvimento econômico em outros segmentos.

    Os municípios que serão impactados diretamente pela expansão das atividades da empresa são: Acreúna, Cachoeira Alta, Caçu, Jatai, Maurilândia, Mineiros, Montividiu, Paranaiguara, Quirinópolis, Rio Verde, Santa Helena, Santo Antonio da Barra, São Simão, Turvelândia, Portelândia, Arenópolis, Piranhas, Caiapônia e Iporá.

    “Trata-se de uma base de mil metros quadrados de área construída, mas não descartamos que ela possa receber uma nova rodada de investimentos no futuro visando a ampliação das atividades. O segmento de agronegócio tem apresentado bons resultados em comparação com a atividade econômica nacional, e os municípios de Rio Verde, Jatai, Mineiros, São Simão, Quirinópolis, Acreúna e Santa Helena sustentam potencial de crescimento”, explica o diretor-geral da Protege, Mário Baptista de Oliveira.

    O Sul de Goiás passará a contar com um leque maior de serviços prestados pelo Grupo Protege, antes centralizados em Goiânia em função da complexidade da operação. Serão oferecidos para a região produtos de logística de valores (transporte e custódia), processamento de numerário, Cofre Inteligente e autoatendimento, além de serviços de vigilância, portaria, recepção, escolta, Carga Segura e segurança eletrônica.

    O local escolhido para a nova base passou por uma ampla reforma que durou cerca de um ano, recebendo um novo modelo de unidade que visa melhorar quesitos de segurança e, principalmente, projetado para facilitar o crescimento de acordo com a demanda de serviços da região. A base foi certificada pela Polícia Federal, aprovada em vistoria realizada por empresa internacional de segurança e apresenta todas as licenças necessárias para o pronto funcionamento (certidão de uso do solo, alvará de funcionamento, inscrição estadual e municipal, entre outras).

    A unidade será responsável pela criação de 148 empregos diretos na região de Rio Verde, com um investimento da empresa da ordem de R$ 7 milhões no Estado. O Grupo Protege opera em Goiás desde 1994 com a bandeira Proforte e conta com 781 colaboradores ativos na base operacional de Goiânia. São mais de 2.300 clientes atendidos, com destaque para o setor bancário, supermercados, lotéricas e postos de combustível, entre outros.

     

    Grupo Protege

    Fundado em 1971, com mais de 18  mil colaboradores e presente em todas as regiões do país, o Grupo Protege tem atuação diversificada que engloba logística, processamento e custódia de valores, serviços aeroportuários, segurança patrimonial e eletrônica, além de formação de profissionais e terceirização de mão de obra para as atividades relacionadas à segurança. O Grupo Protege é formado por seis empresas: Protege, Protege Segurança Eletrônica, Provig, Proair, Protege Serviços Especiais e Proforte.

    Raio-X em Goiás

    Bandeira: Proforte

    Atuação no Estado: desde 1994

    Empregos diretos: 929

    Bases operacionais: 2

    Clientes atendidos: mais de 2.300

  • Participe do debate em nosso grupo do Facebook