• Publicado em

    Secretários de Jataí conhecem Cadastro Único de Aparecida para implementação no município

    COMPARTILHE

    O secretário de Finanças de Aparecida de Goiânia, André Luiz Ferreira, recebeu na manha desta terça-feira (10), em seu gabinete, os secretários de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Empreendedorismo de Jataí, Francis de Assis Barros, e Finanças, Roberto Augusto Lobato, para conhecerem o sistema de Cadastro Único implantado em Aparecida desde 2013. Também participou da reunião o Secretário de Desenvolvimento Econômico de Aparecida, Ozair José.

    “O mundo avança a passos largos; com Aparecida não é diferente. Somos a quarta cidade metropolitana com maior poder de consumo e a maior cidade da região Centro-Oeste depois das capitais. Estávamos chegando a um nível de estrangulamento por conta de tanta burocracia para instalação de uma empresa. Nos reunimos e, em menos de 60 dias foi lançada essa ferramenta que dá agilidade, inovação e transparência ao nosso município”, avalia André Luiz.

    Antes da criação do Cadastro Único, era necessário abrir um processo em cada secretaria responsável pela emissão dos alvarás de funcionamento. Agora, os empresários levam os documentos necessários ao Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) e, por meio de um único cadastro que é avaliado por cada secretaria, são concedidas as devidas autorizações.

    O secretário de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Empreendedorismo de Jataí, Francis Barros, defendeu a ideia de basear as atividades da secretaria em quatro pilares, incluindo a utilização do conceito de “Cidade Inteligente e Humanizada”, em que a Tecnologia da Informação (TI), a Gestão Pública e a população se unem, interagem e promovem benefícios à cidade. “É por meio da sinergia das ações que vamos buscar fazer de Jataí uma cidade inteligente. E nada melhor do que copiar um modelo que já dá certo para desburocratizar o processo de instalação de empresas. Conectar todos é o nosso objetivo nessa gestão”, enfatizou Francis. Após a reunião, os secretários foram conhecer de perto o sistema. “Creio que essa é apenas uma primeira visita e um primeiro contato. Temos muito que aprender com Aparecida”, acrescentou ele.

    CADASTRO ÚNICO

    O Cadastro Único para Abertura de Empresas, implantado em 2013, é um sistema criado com o objetivo de desburocratizar o processo de instalação de empresas, dando condições para que mais investimentos cheguem a Aparecida de Goiânia.

    Na prática, ele consiste na otimização de um processo que já existia. Os empresários entregam todos os documentos necessários à abertura da empresa nas unidades do Serviço de Atendimento ao Cidadão e partir daí o SAC direciona o cadastro, de forma que cada secretaria (Finanças, Regulação Urbana, Meio Ambiente e Vigilância Sanitária, além do Corpo de Bombeiros) avalie e conceda a autorização. Tudo isso num prazo máximo de 180 dias.

    “O novo sistema ainda reduz os custos de abertura das empresas, já que a cobrança de taxas também é unificada. O objetivo da Prefeitura é facilitar a vinda de novas empresas para o município, contribuindo para o desenvolvimento econômico e social da cidade”, finaliza o secretário de Finanças, André Luiz.

    Fonte: Lígia Mariani – Secom
    Foto: Rodrigo Estrela