• Publicado em

    Tristeza: Mototaxista baleado durante homicido de mulher em Rio Verde não resiste aos ferimentos e morre em hospital

    A vítima era natural do Rio Grande do Sul, mas a cerca de 18 anos morava em Rio Verde e era uma pessoa muito querida na cidade.

    O mototaxista Miguel Vincenzi, atingido por um disparo de arma de fogo  na manhã desta segunda-feira (06) na BR 452, em Rio Verde, não resistiu aos graves ferimentos e veio a óbito em um dos hospitais de Rio Verde.

    Miguel Vincenzi

    A vítima estava  trabalhando, ele havia indo buscar uma funcionária de um motel  quando foi surpreendido por elementos armados que chegaram em uma moto efetuando vários disparos contra a mulher identificada como Débora Gomes da Silva, de 25 anos. Ela Morreu no local.

    O Miguel foi socorrido as pressas e encaminhado ao Hospital pelas equipes de resgates. No entanto no inicio da noite desta segunda-feira, o seu  estado de saúde  se agravou bastante e o mesmo veio a óbito.

    A Polícia Civil irá investigar o que teria motivado a morte da mulher e a do mototaxista, a principal suspeita é que o alvo dos criminosos era a Débora Gomes uma vez que a mesma tinha passagens pela polícia e foi atingida por um numero maior de disparos.

    Nas redes sociais, amigos e familiares lamentam a morte  de mais um trabalhador vítima da violência urbana.