• Publicado em

    Antes do homicídio: Mulher grava áudio para amiga dizendo que vai matar o marido que a traiu, ouça

    Uma mulher de 31 anos foi presa, suspeita de matar a facadas o marido, de 40 anos, na frente dos filhos, no bairro Três Irmãs, em Campina Grande.

    A suspeita contou à polícia que planejou o assassinato depois de encontrar mensagens do marido para outra mulher em redes sociais. Para ela, as mensagens evidenciou a traição.

    Ela chegou a enviar um áudio para uma amiga informando que iria cometer o crime:

    “Vou matar ele hoje. Pra ele aprender a não tirar onda com a minha cara, a não me trair”, diz um trecho da mensagem. “Eu vou pedir uma coisa a você, a minha mãe e a minhas irmãs. Vão me visitar [na presídio]”, disse a suspeita. Ouça no final da matéria.

    Segundo o delegado Francisco de Assis, três filhos da suspeita, sendo um deles da vítima, estavam na casa no momento do crime. As crianças agora estão sob cuidados de avós.

    Vizinhos da família acionaram a polícia e tentaram espancar a mulher. A violência foi impedida com a chegada da viatura da Polícia Militar. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também foi chamado, mas o homem já estava morto.

    A suspeita foi levada para a Central de Polícia Civil; e a faca utilizada no crime, apreendida.

    A mulher passou por uma audiência de custódia na tarde da última segunda-feira (20), onde ficou decidido pela Justiça que ela ficará em prisão domiciliar, com base na justificativa de que a autora do crime tem filhos com menos de 12 anos com o ex-marido assassinado por ela. Via/MCeara

    Ouça o áudio com a revelação da mulher:

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.