• Publicado em

    Atriz pornô é encontrada morta em veículo onde vivia

    Dakota Skye recebeu críticas nas redes sociais por ter feito topless em frente a um mural em homenagem a George Floyd.

    No início de maio, a atriz pornô Dakota Skye, de 27 anos, causou polêmica ao posar para uma foto com os seios à mostra em frente a um mural em homenagem a George Floyd, homem negro que foi assassinado por asfixia durante uma abordagem policial em Minneapolis, em maio do ano passado.

    A atriz de filmes adultos voltou ao noticiário nesta sexta-feira (11), por um triste motivo. Dakota foi encontrada morta no motorhome onde ela morava, em Los Angeles.

    Segundo informações do The Sun, Dakota Skye, cujo nome de registro é Lauren Scott, foi achada sem vida ontem, e seu corpo foi identificado pelo marido. A causa da morte não foi revelada.

    Skye trabalhava na indústria pornográfica desde 2013, quando gravou seu primeiro filme. Em 2015 ela chegou a ser indicada ao AVN Award, na categoria de atriz revelação, na premiação mais importante do ramo.

    “Feliz dia #GeorgeFloyd em Santa Barbara. Igualdade e tratamento justo para todos”, legendou a atriz na polêmica publicação, que foi considerada por algumas pessoas como “desrespeitosa” à memória de Floyd.

    Repórter Mari JTI/ Via DOL

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.