• Publicado em

    Como crescer na crise?

    Especialista e sócia do restaurante  Villa Celimontana dá dicas para inovar mesmo em meio à recessão

     

    A crise econômica causada pela pandemia da Covid-19 fez as pessoas repensarem os seus hábitos, principalmente a atuação profissional e formas de investimentos. Nesse contexto, empresários se desdobram para pensar em estratégias e inovar nesse período para garantir a sobrevivência dos seus empreendimentos. A boa notícia é que alguns estão conseguindo alcançar esse objetivo e continuam crescendo no mercado.

    De acordo com o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), quatro em cada 10 pequenas empresas brasileiras inovam durante a crise ao longo do ano. Para 27% dos empresários, os desafios impostos pela pandemia acabaram trazendo mudanças valiosas para o negócio. “O marketing digital tem sido grande aliado nesse processo, graças a ele, muitos empreendedores conseguem aumentar as vendas, conquistar novos clientes e pensar em novas estratégias de comercializar o seu produto”, acrescenta a empresária e sócia do restaurante Villa Celimontana, Valéria Bax.

    Um bom exemplo de empresa que vem conseguindo se destacar mesmo em meio à recessão é o restaurante Villa Celimontana. A casa reinaugurou em junho deste ano. “Nossa ideia é trazer algo novo para a região, sermos únicos e claro, prestar um bom atendimento. A ideia está dando certo, nossos pratos são diversidades e saborosos”, revela.

    Diferenciais 

    Focar no atendimento e entender qual o tipo de cliente que pretende atingir são pontos fundamentais para progredir. “Oferecemos almoço de terça-feira à sexta-feira e a opção a la carte de terça-feira à quinta-feira. Também temos drinks e  agora em setembro, começamos com a música ao vivo aos fins de semana”, conta Valéria.

    O idealizador e fundador do Villa Celimontana, o Chef Marco Orsini traz uma experiência de décadas da culinária mundial, em especial a italiana. “Ele apresenta toda a sofisticação e sabor da Itália. Sempre atento ao que há de novidade no mercado gastronômico”, conclui.

    Valéria Bax: Empresária e sócia do Villa Celimontana 

    Felipe de Jesus | Jornalista (FESBH), Publicitário (IPSP), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes), Economista (UNIP) & Advogado (FACSAL). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (UEMC). [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.