• Publicado em

    Corpo da estudante achada morta carbonizada em Goiás tem cinco cortes nas costas e pescoço

    A polícia ainda investiga o caso para saber quem cometeu o crime e qual a motivação. A jovem foi encontrada no dia 11 de agosto no apartamento em que morava em Luziânia, após um incêndio no local

    A Polícia Civil informou que a perícia feita no corpo da estudante Yolanda Mile Rocha Santana, de 21, aponta que ela tinha cinco marcas de cortes nas costas e pescoço. A jovem foi encontrada no dia 11 de agosto no apartamento em que morava em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. As informações são do G1.

    Conforme o delegado responsável pela investigação, Fellipe Guerrieri, ainda não foi posível identificar qual o objeto usado para cortar a vítima nem se ele foi a causa da morte da jovem. A polícia ainda investiga o caso para saber quem cometeu o crime e qual a motivação.

    Na investigação, 13 pessoas já foram ouvidas sobre o assassinato. Entre elas estão familiares, colegas de trabalho e amigos da vítima. O delegado prefere não divulgar maiores detalhes da investigação para não prejudicar o andamento do inquérito.

    Corpo Carbonizado

    Yolanda Mile Rocha Santana, de 21 anos, foi encontrada morta pelo Corpo de Bombeiros em um quarto trancado, após a equipe apagar um incêndio no local. O cômodo que a jovem estava ficou completamente destruído por causa do fogo.

    Segundos os vizinhos, no ocorrido eles perceberam uma grande fumaça saindo do imóvel e resolveram jogar água em baldes no intuito de tentar debelar as chamas. Uma testemunha relatou à polícia que ouviu um grito seguido de uma explosão.

    Repórter Mari JTI

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.