• Publicado em

    Foguete da SpaceX em rota de colisão com a Lua

    O objeto deverá causar uma explosão, prevista para o dia 4 de março, deixando uma pequena cratera artificial na Lua.

    Compartilhe!

    Um foguete lançado pela SpaceX, a empresa de exploração espacial detida pelo bilionário Elon Musk, está em rota de colisão com a Lua, não havendo forma de controlar a sua trajetória.

    Segundo a BBC, o foguete Falcon 9 que foi lançado em 2015 ficou sem combustível, deixou de ser controlável e ficou, desde então, à deriva no espaço.

    Mas os riscos para o satélite natural da Terra serão mínimos, esclarece à televisão britânica o astrônomo Jonathan McDowell, do centro de astrofísica Harvard-Smithsonian.

    Ainda assim, o foguete deverá causar uma explosão, prevista para o dia 4 de março, deixando uma pequena cratera artificial na Lua.

    “É basicamente um tanque de metal vazio de quatro toneladas, com um motor de foguete na traseira. Portanto se imaginarmos lançar isso a uma pedra a 5 mil milhas por hora (cerca de 8 mil quilômetros por hora), não vai ser bonito”, disse McDowell.

    O Falcon 9 foi lançado para deixar na atmosfera terrestre um satélite meteorológico, mas desde que ficou sem combustível e saiu do campo gravitacional da Terra, o seu percurso tornou-se “caótico”.

    “Tem estado morto, a seguir apenas as leis da gravidade”, diz McDowell, que alerta ainda para o crescimento do lixo espacial que está ocupando os limites espaciais terrestres e que pode atingir a Lua.

    “Ao longo das décadas, perdemos cerca de 50 grandes objetos. Isto pode ter acontecido algumas vezes, mas nunca percebemos. Este poderá ser o primeiro caso”, esclarece.

    Repórter Mari JTI/ via Noticias ao Minuto

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.