• Publicado em

    Homem saiu da cadeia de Jataí nesta segunda e é suspeito de dar seis tiros na ex-mulher na madrugada de hoje

    Suspeito de tentar matar mulher a tiros foi esfaqueado por ela em 2014

    Compartilhe!

    Mulher de 30 anos sofreu tentativa de homicídio na madrugas desta terça-feira (25), em Campo Grande. A suspeita é de que o ex-marido da vítima tenha realizado os disparos.

    Informações da polícia apontam que a mulher estava sentada na varanda de sua residência, por volta das 2h da madrugada, quando uma pessoa a chamou no portão. Quando ela se aproximou, foi atingida por disparos de arma de fogo. Testemunhas apontam que duas pessoa realizaram os tiros.

    Pelo menos seis disparos atingiram a vítima, sendo nas pernas, costas e cintura. Ela foi encaminhada para a Santa Casa, em Campo Grande.

    A polícia suspeita que o autor ou mandante do crime seja o ex-marido da vítima, que estava preso em Jataí (GO). Na segunda-feira (24), a filha da mulher teria recebido mensagens pelo Facebook do pai, avisando que havia sido solto e estava a caminho de Campo Grande.

    whatsapp_image_2016-10-25_at_08-09-24_0

    Suspeito de tentar matar mulher a tiros foi esfaqueado por ela em 2014

    Vítima de tentativa de feminicídio na madrugada desta terça-feira (25), mulher de 30 anos responde a um processo por ter esfaqueado o ex-marido em 29 de agosto de 2014. Ele é o principal suspeito de tentar matar a vítima, que foi ferida com 6 tiros na varanda de casa, no Santa Luzia.

    Conforme informações da polícia, o casal morava em uma residência no Aero Rancho, com os dois filhos de 2 e 3 anos de idade. A mulher estava grávida de 3 meses na época e relatou como tudo aconteceu. Conforme a autora do crime, ela e o marido bebiam na frente da casa e ele também fazia uso de entorpecentes.

    Os dois começaram a discutir e o homem pegou uma faca, com a qual teria ameaçado a mulher. Ela contou aos policiais militares, que estiveram no local após o crime, que os dois entraram em luta corporal, rolaram na calçada e ela conseguiu desarmar o marido. Com a arma branca em mãos, a mulher deu várias facadas no homem.

    Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado e socorreu a vítima que estava em estado grave, com uma perfuração no pescoço, duas no tórax e duas no joelho. Ele ficou na área vermelha do hospital e a mulher foi encaminhada para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro, onde prestou depoimento.

    O caso foi registrado na época como homicídio simples na forma tentada e não há informação se a mulher chegou a alegar legítima defesa. Em 2015, durante o processo, o juíz teria desqualificado o crime de homicídio doloso, quando há intenção, na forma tentada. Após sair do hospital, o homem foi para Jataí (GO), onde trabalhava em uma fazenda.

    Ele foi preso no município, mas não há informação por qual crime, cumpriu pena e foi solto nesta semana, quando voltou para Campo Grande e estaria procurando a residência da ex-mulher. A suspeita é de que ela tentava fugir do ex, já que havia se mudado para o Bairro Santa Luzia há pouco mais de um mês.

    A tentativa de feminicídio é investigada pela Deam (Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher) e parte da ação dos criminosos chegou a ser registrada por câmeras de segurança da região.

    Fontes/Midiamax e O Progresso

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.