• Publicado em

    Jataí esperava safra cheia de milho, mas terá menos produtividade do que em 2021

    Safra passada teve plantio fora de época, veranico e geadas que tiraram produtividade. Já este novo ciclo foi semeado na janela ideal, tinha alta expectativa, mas perdeu com corte de chuvas e enfezamentos. 

    Compartilhe!

    De acordo matéria do Notícias Agrícolas, os produtores de Jataí em Goiás já colheram 60% da segunda safra de milho e encontram níveis de produtividade menores do que o esperado e, até mesmo abaixo do que foi registrado na safra passada.

    Segundo o presidente do Sindicato Rural de Jataí/GO, Vitor Geraldo Gaiardo, lavouras em que eram esperadas 130 sacas por hectare produziram entre 40 e 50 sacas e a média geral do município deve ficar em torno de 80 sc/ha contra as 90 sc/ha da safra passada;

    “As chuvas praticamente se extinguiram no início de abril e tivemos muitas lavouras que, embora plantadas dentro da janela, não tiveram chuvas na frutificação e isso causou perda considerável. Depois houve um problema sério de enfezamento com cigarrinha e ainda mais no final houve geada que acabou afetando algumas lavouras mais baixas e próximas de córregos”, explica.

    Até mesmo diante dessa redução de produtividade, os produtores de Jataí estão segurando as negociações, esperando que os preços subam correspondendo à essa redução, saindo dos atuais R$ 70,00.

    Confira a entrevista completa com o presidente do Sindicato Rural de Jataí/GO no vídeo.

    Repórter Mari JTI

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.