• Publicado em

    Jovem é preso suspeito de matar namorada a facadas dentro de casa em Goiás

    Vizinhos viram quando o suspeito saiu correndo com o bebê no colo e confessando o crime. Em depoimento, ele ficou em silêncio.

    Compartilhe!

    De acordo matéria do G1 GO, uma jovem de 21 anos foi morta a facadas na noite segunda-feira (20) em Indiara, no sul do estado. O namorado dela, de 23 anos, foi preso suspeito do crime. Vizinhos contaram à família que ele saiu da casa com o filho do casal nos braços, deixou com moradores da região, disse que tinha matado a namorada e fugiu.

    Raiane Ferreira da Silva estava em casa com o namorado, Samuel Batista, de 23 anos, e o filho de 7 meses. O casal começou a discutir e vizinhos ouviram pedidos de socorro.

    “Os vizinhos viram ele saindo da casa com o filho deles no colo. Ele entregou para uma vizinha e disse que tinha matado a Raiane. Aí ele pegou o carro e fugiu”, disse a irmã da vítima, Daiane Ferreira.

    O g1 não conseguiu identificar quem é o advogado do suspeito preso até a última atualização dessa reportagem.

    Samuel Batista, suspeito de matar a namorada Raiane Ferreira — Foto: Reprodução/Instagram

    Um vídeo mostra a casa com marcas de sangue em vários cômodos. Roupas e objetos pessoais estavam revirados.

    A irmã conta que Raiane disse que a vítima já tinha relatado constantes brigas e ameaças feitas pelo namorado. Eles estavam juntos há mais de um ano e, nesse período, se separaram e voltaram algumas vezes.

    A vítima já tinha registrado boletim de ocorrência contra ele e tinha até medida protetiva contra Samuel. Porém, eles acabaram reatando o relacionamento um tempo depois.

    “Em abril de 2020, ele foi preso em por ameaça contra a namorada. Na época, foi expedida a medida protetiva para ela. Agora, quando foi preso dessa vez, ele ficou em silêncio, mas pelos elementos que temos, não há dúvida de que foi ele o autor”, disse o delegado Daniel Moura.

    Samuel foi preso pela Polícia Militar horas depois do crime. ele estava escondido em uma casa abandonada da cidade. Depois de ser interrogado na delegacia, foi levado para o presídio da cidade.

    Marcas de sangue em casa de Raiane Ferreira, morta a facadas em Indiara — Foto: Arquivo Pessoal/Daiane Ferreira

    Repórter Mari JTI

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.