• Publicado em

    Truque simples e eficaz elimina as baratas em apenas 48 horas; aprenda!

    Para começar, é essencial manter o ambiente sempre limpo e organizado

    Compartilhe!

    As baratas são asquerosas, mas é impossível eliminá-las da natureza. Além de nojentas, elas podem transmitir inúmeras doenças e alergias, por isso é muito importante tomar muito cuidado para mantê-la longe da sua casa e, principalmente, da sua comida.

    Para começar, é essencial manter o ambiente sempre limpo e organizado. As baratas são atraídas pela sujeira e por restos de comida. Tampar ralos com protetores, cuidar dos canos e não deixar restos de comida expostos são o primeiro passo. Mas se mesmo com essas medidas, esses insetos nojentos insistem em aparecer, você pode usar uma receita caseira a base de açúcar e bicarbonato de sódio, afirma o site Cura Pela Natureza. A proporção da mistura deve ser de um para um (uma xícara por uma xícara). Espalhe a mistura pela casa, incluindo ralos e cantos. As baratas serão atraídas pelo açúcar e comer a mistura, mas o bicarbonato vai fazer com que elas morram.

    Outra receita caseira inclui 100 gramas de ácido bórico (ele pode causar irritações, por isso use luvas), uma cebola picadinha e uma colher de sopa de farinha de trigo. Misture todos os ingredientes, modele a massa com luvas formando bolinhas e espalhe-as pela casa, especialmente nos locais onde elas mais aparecem. Caso você tenhas crianças ou animais de estimação, redobre os cuidados para que eles não comam esta mistura.

    A terceira e última receita é um inseticida natural. Você vai precisar de: óleo essencial de eucalipto, óleo essencial de alecrim, uma folha de louro, 1/2 litro de álcool de cereais, 1 1/2 litro de água, uma garrafa pet de 2 litros vazia e limpa. Adicione os ingredientes na garrafa pet e agite bem. Use a mistura em todos os ralos. Via Noticias ao Minuto




    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.
    Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
    Se você se interessou por esse artigo, ao comentar marque a opção publicar também no Facebook.